Gastronomia, culinária e outros interesses para os apaixonados
pelo prazer de cozinhar, comer bem e harmonizar.

Por Luciane Daux

sexta-feira, fevereiro 20, 2015

20/02/2015 - Gostinho de verão da pitanga colhida no pé

por Luciane Daux
Uma das coisas mais marcantes das férias de verão da infância da minha geração, em Florianópolis, é o contato que tínhamos com a natureza. Araçá, butiá, mamão, jabuticaba, caju, goiaba e pitanga havia em profusão nas estradinhas, ainda de barro, que davam acesso às praias (é, eu sou desse tempo). Colher e comer frutas ao pé dessas árvores traz memórias que acalento. Semana passada tive oportunidade de colher as pitangas da foto na Cachoeira do Bom Jesus, na casa do tio Zeca Lemos.  Que sabor e que lembranças. Trazidas à cozinha, quanta coisa boa sai!


Divulgação
Bolo para o verão
Na Madre Benvenuta, no Santa Mônica, surgiu uma casa especializada em bolos artesanais, a Especiarias Bolos, e já lança um novo conceito: bolos para serem consumidos no verão. Delícia esse de cacau, que pode ser incrementado com o sorvete de creme e a receita, da casa, de calda de chocolate e pralinê de amêndoas. 

Inscrições para a 1a Feira Gastronômica de Floripa
Estão abertas as inscrições para a 1ª Feira Gastronômica de Floripa, que acontecerá no sábado, 14 de março, das 11h às 19h, com entrada e estacionamento gratuitos.. A curadoria é do Bar e Restaurante Mesinha, com patrocínio da Eletrosul, aonde acontecerá o evento, num espaço arborizado, com gramado e sombra. Entre outras atrações, haverá comida, bebida, oficina de bike, cursos de gastronomia, aulas de caminhada, dança, flores naturais e produtos orgânicos. Mais informações em  www.feiragastronomicadefloripa.com.br

Daniela Lopes Franco
Caipiroska do Facebook
Essa receita colhi no Facebook. Da amiga Daniela Lopes Franco, veio a base e a foto: amasse ½ copo de pitangas frescas com 2 colheres (sopa) de açúcar e coloque uma dose de vodka. A Alice Maria Vaira juntou folhas de manjericão e a Isabele Araújo, folhas de hortelã. Adicionar bastante gelo e, voilá, desfrutar!










Chez Popi
Geleia de pitangas
“Leve em fogo baixo para médio 700g de pitangas (polpa sem sementes - não bata no liquidificador ou ferva para retirar as sementes!) com 100g de açúcar cristal as pitangas com o açúcar cristal. Quando levantar fervura, misture 1g de pectina a 20g açúcar refinado e junte às pitangas no fogo, mexendo com intensidade. Aumente para fogo médio e cuide sempre, mexendo até que reduza e engrosse. Quando soltar da panela está pronta a geleia.  Deixe esfriar e coloque num pote esterilizado. Rende 500g.  *Pectina se encontra em casas especializadas”. Mais uma dica da chef pâtissier Paula, da Chez Popi.

Nestlé
Mousse de pitanga
1 envelope de gelatina em pó sem sabor (12g)
1 lata de leite condensado 
200 g de polpa de pitanga congelada (ou fresca, sem sementes
3 claras
2 colheres (sopa) de açúcar

1.        Junte cinco colheres (sopa) de água fria à gelatina e leve ao fogo em banho-maria até dissolver. Reserve.
2.        Bata no liquidificador o leite condensado, a polpa de pitanga, meia medida (da lata) de água e a gelatina dissolvida.
3.        Em uma batedeira, bata as claras com o açúcar até dobrar de volume, adicione ao creme de pitanga e misture delicadamente.
4.        Coloque a mousse em taças e leve à geladeira por cerca de 4 horas ou até ficar firme. Sirva.
5.        Fonte: www.nestle.com.br, que sugere usar leite condensado Moça.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar os posts.
(faça seu comentário ao final de cada post, no símbolo da canetinha).

Obrigada pela visita!

Lu