Gastronomia, culinária e outros interesses para os apaixonados
pelo prazer de cozinhar, comer bem e harmonizar.

Por Luciane Daux

sexta-feira, março 18, 2011

18/03/2011 - Cozinha com sabor e alma manés

EDIÇÃO DE 18/03/2011 DO JORNAL NOTÍCIAS DO DIA,
por LUCIANE DAUX


A coluna de hoje é uma homenagem à nossa Florianópolis e ao seu aniversário de 285 anos, que acontece no dia 23 de março, semana que vem. Como toda boa comemoração, merece uma mesa farta e saborosa. Que tal um resgate aos sabores com vida e alma “manezinhas”, como o berbigão ensopado com pirão d’água e a banana recheada, servidos naqueles lindos pratos de barro pintados à mão, pela Índia Brasil?  Salivou, né? E não se esqueça: como é festa, vale um brinde com cachaça com butiá.

Veja abaixo a nossa cerâmica tradicional, finamente pintada a mão pela artista plástica India Brazil. Parece mesmo renda de bilro. Ô coisa mané-chic!
Foto India Brazil
E que louça ....
Arte da India Brazil. Um luxo.








Foto Ui Seong
A trufa dos alhos
Uma amiga que, recentemente, esteve no Mercadão de SP presenteou-me com alho negro, top do momento no mundo gourmet. Provei puro, sobre uma torradinha. Adocicado e frutado, é um alho normal que, por cerca de 30 dias, passou por um processo de fermentação e envelhecimento, produzindo melanoidina, responsável pela coloração. Li que é rico em aminoácidos e ajuda a combater o mau colesterol. Usa-se em ovos moles, massas e patês. Delícia das delícias! Tem no Hippo Supermercado, pacote com 200g a R$ 39,90.

Ricaldinho da Ilha: festa autêntica
Na próxima 4ª feira o colega de ND Ricardinho Machado aniversaria, junto com Florianópolis, e a comemoração, já pelo 11º ano consecutivo, será a base de 30 caldinhos feitos por restaurantes e gourmets da cidade. Muita diversão, música ao vivo, água e cerveja à vontade! Mais uma vez estarei lá com o meu Caldinho de Cozido, receita do Nego Querido.
Serviço: 11º Ricaldinho da Ilha
Dia 23 de março/10, quarta-feira
Local: Clube Náutico Martinelli, das 11 às 18 horas.
Camisetas-convite: R$ 80, com o querido Neném Alves. Fone 9980-9456.

Vinhos do Alentejo no Emporium
Em visita ao Brasil, e dando as boas vindas ao outono, o premiado e renomado enólogo português Eng. Paulo Laureano receberá os apreciadores de vinhos que desejem experimentar e conhecer um pouco mais sobre os rótulos que ele produz em terras portuguesas, na Vinícola que leva o seu nome. A degustação será neste sábado, dia 19, das 11:30h às 13h, no Emporium Bocaiuva, onde esses vinhos estão à venda.

Foto Gastrolust
Berbigão ensopado com pirão escaldado
1 kg de berbigão cozido e sem casca
500g de berbigão com casca, bem lavados
2 colheres (sopa) de óleo
1 cebola picada
2 tomates picados, sem sementes
1 dente de alho picado
2 colheres (sopa) de alfavaca picada
Sal a gosto

Para o pirão:
1 xícara (chá) de farinha de mandioca
700ml a 1l de água fervente
Sal a gosto

1. No fogo médio, refogue a cebola e o alho no óleo, até murcharem, e então acrescente o tomate picado.
2. Quando o tomate já estiver quase desmanchado, acrescente o berbigão com casca.
3. Quando as conchas estiverem abertas, junte o berbigão já cozido e sem casca, a alfavaca e mais uma xícara (chá) de água. Acerte o sal e deixe ferver por 10 minutos.
4. Enquanto isso, prepare o pirão colocando a farinha de mandioca e sal a gosto numa bacia.
5. Vá acrescentando a água fervente aos poucos, misturando sempre com um garfo. Se desejar um pirão mais mole, coloque mais água.
6. Sirva, num prato de sopa, o pirão escaldado e, sobre ele, o berbigão ensopado.

Foto Divulgação
Banana recheada
Quando o “moço” passava, carregando na bicicleta o balaio cheio de bananas recheadas, era hora do café da tarde!
12 bananas brancas maduras
Massa de pastel em rolo
Óleo de soja abundante
2 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (sopa) de canela em pó

1. Corte cada banana ao meio, no sentido longitudinal.
2. Coloque duas metades, lado a lado, sobre um pedaço de massa e cubra com outra parte de igual tamanho, como um pastel grande e retangular. Feche o pastel apertando as bordas com a ponta de um garfo.
3. Repita a operação até terminarem as bananas
4. Aqueça bastante óleo de soja e frite dois pastéis por vez.
5. Escorra-os bem e passe-os pela mistura do açúcar com a canela em pó.
6. Sirva quente, com café preto.


Picadinho tradicional
1 kg de carne bovina (alcatra, coxão mole ou até filé mignon)
1 colher (sopa) de farinha de trigo
100g de toucinho defumado picadinho
1 folha de louro
1 cebola grande picada
2 dentes de alho picados
500ml de caldo de carne
Salsinha picada a gosto
Sal e pimenta do reino a gosto

1. Leve para dourar em pouco óleo o toucinho e a cebola picados. Quando estiverem dourando, junte o alho picado e refogue.
2. Corte a carne em cubinhos de 2cm de lado, tempere. Polvilhe a farinha de trigo sobre a carne.
3. Junte a carne à cebola e alho refogados e, no fogo alto, doure os cubinhos até tomarem bastante cor e vá acrescentando o caldo de carne aos poucos. Baixe o fogo, deixe o molho engrossar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar os posts.
(faça seu comentário ao final de cada post, no símbolo da canetinha).

Obrigada pela visita!

Lu