Gastronomia, culinária e outros interesses para os apaixonados
pelo prazer de cozinhar, comer bem e harmonizar.

Por Luciane Daux

segunda-feira, maio 18, 2009

15/05/2009 - Cozinha contemporânea

EDIÇÃO DE 15/05/2009 DA COLUNA COZINHA DE ESTAR/JORNAL NOTÍCIAS DO DIA, POR LUCIANE DAUX

Cozinha contemporânea
Sou uma adepta da cozinha contemporânea. Apetece-me a receita que reúne, com harmonia, elementos de várias tradições, respeitando a disponibilidade do mercado e da estação (cuisine du marché). Os ingredientes no auge do seu frescor, as cores mais vibrantes e o perfume, tudo isso formando um mosaico delicioso. Uma forma de cozinhar bem propícia ao Brasil. Esta é a proposta das receitas de hoje, uma Frittata, de origem espanhola, mas adaptada à batata doce pelo famoso Chef Gordon Ramsay, e um Escondidinho Caipira, num reflexo do nosso modo de viver - afinal, num país como o nosso, de dimensões continentais, a mescla alegre de raças e culturas é uma fonte inesgotável de sabores.

Para aprender I
Vinhos da Toscana e Piemonte
Acontece esta semana, em Florianópolis, o Expand Wine Education, ministrado pela enóloga italiana Ana Rita Zanier, com o objetivo de fomentar ainda mais a cultura do vinho no Brasil. No dia 18/05 o tema é a encantadora região do Piemonte, terra dos Barolos, Barbarescos, Barberas. No dia 19/05, o foco é bucólica Toscana, de onde vêm os Brunellos e os Chiantis.
Serviço:
Quando: Dias 18 e 19/05, com início às 19h30min.
Onde: na loja da Expand SC - Rua Barão de Batovi, 590 Fone [48] 3333-1023
Preço por pessoa: R$ 130,00 para o curso sobre os vinhos do Piemonte, e R$ 190,00 para os Toscanos, com desconto de 20% para quem se inscrever nos dois módulos.

Para aprender II
Como surgiu o sushi?
(foto crédito Cícero Domingues)
O sushi nasceu de uma antiga técnica japonesa para conservar peixes. Para transportar o pescado entre as regiões, acondicionavam os filés salgados entre camadas de arroz cozido. Os japoneses sabiam que o arroz liberava o ácido acético e láctico que garantiria a qualidade por mais tempo. O sushi vegetariano, opção para quem não quer abrir mão do sabor exótico do sushi, é assunto do curso ministrado neste domingo pela sushiwoman Bia San no Daissen Restaurante Vegetariano. Nada de salmão, atum, polvo ou camarão. A proposta agora é apostar no sabor delicado de legumes e verduras ao dente, cogumelos, frutas e outras guloseimas.
Serviço:
O que: Curso de sushi vegetariano
Quando: Domingo, 17 de maio, a partir das 14h às 18h
Onde: Daissen Restaurante Vegetariano, Praça Getúlio Vargas, 126, Centro – Fone [48] 3225 8896
Preço por pessoa: R$ 120,00 com desconto de 15% para quem almoçar no Daissen

Feijoada na Serra
O Chef Ayrton Oliveira começa a preparar todos os sábados, a partir do dia 16/05, a feijoada no Bistrô Santa Rita Golf Club, que inclui caipirinha e sobremesa. A proposta tem tudo a ver com o frio que já está chegando. O Bistrô fica em Rancho Queimado, a apenas 35 minutos do centro de Florianópolis. Carta de vinhos assinada pela Essen/Decanter.
Reservas [48] 9972-4721

Sabores do Brasil (foto divulgação)
Uma tendência para se prestar atenção: o retorno aos sabores brasileiros, aqueles das comidas feitas em casa, receitas de família e uso de ingredientes locais e simples. Foi pensando nisso que a Chef Ana Paula Cunha, engenheira e executiva, elaborou o cardápio do seu restaurante executivo, que inaugura hoje, com pratos arrojados, como a própria Picanha do Mar, que dá nome à casa, e a receita de Escondidinho Caipira.
Picanha do Mar, aberto de 2ª a sábado das 11 às 15 horas.
Av. Osmar Cunha, 208, Centro - esquina com a Rua Leoberto Leal








Para colecionar
Escondidinho Caipira
(foto divulgação)
(Chef Ana Paula Cunha)
2 latas de milho verde
2 latas de leite (use a lata do milho verde para medir)
2 colheres (sopa) de amido de milho (maisena)
100 g de queijo parmesão ralado
1 colher (sopa) de manteiga (ou margarina)
1 cebola pequena picada

Recheio:
600g de sobre-coxas de frango (ou peito de frango se preferir)
4 colheres (sopa) de cheiro verde picado
2 tomates picados sem semente
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
10 azeitonas verdes picadas
Sal e pimenta a gosto

1. Para o recheio: em uma panela, refogue a cebola, o alho e o frango até dourar. Coloque os tomates, a azeitona e misture. Cubra com água e deixe cozinhar cerca de 30 min.
2. Retire o frango, desfie, retornando-o para a panela para cozinhar até reduzir o caldo (5 a 10 min). Desligue e misture o cheiro verde picado.
3. Para o creme: no liquidificador bata o milho verde, o leite, o amido de milho, e metade do queijo. Aqueça uma panela com a manteiga e refogue a cebola até murchar. Junte o creme batido, mexendo até engrossar.
4. Em um refratário médio ou 6 pequenos coloque o primeiro o recheio, o creme e o por último o restante do queijo ralado. Leve ao forno médio por 20 minutos ou até dourar. Sirva bem quente.
5. Rendimento: 6 porções, tempo de preparo: 1h 30min

Frittata de Batata Doce com Molho de Coentro
(foto divulgação Healthy Appetite)
(Chef Gordon Ramsay)
Omelete:1 batata doce grande – 200g/250g
1colher sopa azeite de oliva
1 echalote, picadinho (pode ser uma cebola roxa pequena)
4 ovos grandes
Maço pequeno de cebolinha picado

Para o molho:
250g de tomates cortados em gomos
2 cebolinhas cortadas na diagonal
1 maço de coentro picado
Suco de ½ limão
3 colheres sopa azeite de oliva extra virgem
1 colher sopa óleo de gergelim
Pitada de molho de pimenta
Pitada de açúcarSal a gosto

1. Para o molho: ponha todos os ingredientes numa vasilha e misture bem. Reserve.
2. Para a fritatta: pique a batata em pedaços pequenos.
3. Esquente a frigideira anti-aderente com o óleo. Jogue a batata e echalote, e cozinhe até que comece a amolecer. Tempere com sal e pimenta do reino.
4. Bata os ovos levemente, jogue a cebolinha dentro da mistura e derrame tudo sobre as batatas na frigideira. Vire a frigideira de um lado para o outro para que a mistura dos ovos se espalhe bem e revista as batatas. Quando as laterais começarem a parecer cozidas, leve a frigideira ao forno para cozinhar a parte do centro.
5. Não deixe por muito tempo para que a fritatta nao resseque. Sirva com a salsa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar os posts.
(faça seu comentário ao final de cada post, no símbolo da canetinha).

Obrigada pela visita!

Lu